Arquivo mensal: setembro 2014

O que fazer quando sua empresa tem dinheiro em caixa?

Ontem, um colega e residente do espaço de “coworking” me fez a seguinte pergunta:

– Michel, gostaria de alavancar a minha empresa, tenho dinheiro em caixa; o que você me recomenda em termos de investimentos?

– Dinheiro / caixa de empresa não pode ser usado em aplicações financeiras de risco! Você quer alavancar seu negocio? Quer ganhar mais dinheiro? Então invista no que você entende e sabe fazer melhor.

– Aplicações do caixa da empresa devem ser em ativos de baixo risco e de liquidez diária. Mesmo que você me diga que tem caixa o suficiente, e que não precisará dele no curto e médio prazo, o meu conselho continua o mesmo. Imprevistos existem e você estará contente em ter o dinheiro a disposição. Outra razão, você provavelmente não é especialista em mercado financeiro e nem tem tempo de acompanhar o mercado o tempo todo. Ativos mais arriscados como ações, fundos multimercados e alavancados, podem dar um retorno superior a longo prazo. Mas a volatilidade é muito mais alta (você consegue ficar calmo se o preço do teu ativo de repente cai 3%?) e talvez você tenha que esperar mais tempo para que seu investimento dê os frutos esperados.

– Ah, mas então o que você me recomenda? Tesouro direto é uma boa?

– Tesouro direto pode ser uma boa, desde que você tenha paciência em acompanhar o mercado. Acho muito melhor você focar no teu negócio e deixar para uma instituição financeira de primeira linha cuidar do seu suado dinheiro.

– As instituições dispõem de uma serie de produtos de renda fixa: CDB´s (pré e pós fixados), fundos de renda fixa, Fundos DI, etc., que são aplicações de baixo risco. Cabe a você ter uma boa conversa com seu gerente, explicar o que você quer, e dependendo do montante a aplicar você consegue taxas melhores ou fundos com taxas de administração mais baixas.

– Ah e por favor, não aceite títulos de capitalização, seja firme nas suas determinações!

Anúncios